Viagem para Polônia

Existem nações onde alguns detalhes encantam e fascinam vários turistas ao redor do mundo. Um país que é um modelo nessa ideologia é a Polônia, lugar cercado de história e belezas naturais.

Conheça

Polônia: Mais de mil anos de história!

Situada entre Rússia e Alemanha, a Polônia sempre foi alvo de disputas territoriais. Livre do bloco comunista desde 1989, o país desenvolveu-se rapidamente, em especial as cidades de Varsóvia, Cracóvia, Gdansk e Wroctaw. Com monumentos que testemunham uma tumultuada história, a Polônia é famosa por qualidades como a enorme generosidade de seu povo e a excelência de sua vodca.

Embora se localize nas planícies do centro da Europa, a Polônia tem uma paisagem muito variada. Os cenários alpinos predominam nas montanhas Tatra, ao Sul, enquanto o norte é dominado por lagos.

Os incontáveis lagos de Warmia e Mazuria, (região conhecida como terra dos Mil Lagos) constituem um paraíso para os praticantes de esportes aquáticos.


Aeroporto: Aeroporto Internacional de Varsóvia (WAW)   

Capital: Varsóvia

Moeda: Zloty 

Idioma: Polonês ou polaco (oficial), Alemão

Visto: Brasileiros não necessitam de visto, no entanto é preciso fazer seguro de viagem com cobertura de 30 mil Euros.

Vacinas: Nenhuma vacina é obrigatória

Código do telefone: 48

Eletricidade : 220V 

Fuso horário: +05 horas.

Melhor época para visitar: No fim do verão (abril a junho) e no outono (agosto a Outubro).   

Velha Sinagoga: O bairro judeu foi criado no final do século XV. No início da segunda Guerra Mundial viviam aqui cerca de 70 mil judeus. 

Parque e Palácio Wilanów: Antiga residêncial real, o Palácio Wilanów, situado dentro de um parque e cercado por lindos jardins simétricos surgiu como refúgio do rei João III.

Caminho Real: O histórico Caminho Real é uma das mais belas ruas de Varsóvia

Monumentos aos Heróis do Gueto: Em 1940, os nazistas confinaram os judeus de Varsóvia e das regiões próximas numa área a noroeste da cidade. No Gueto de Varsóvia viviam inicialmente 450 mil pessoas. Em 1942, no entanto, mais de 300 mil já tinham sido transferidas para campos de concentração e outras 100 mil morreram ou foram assassinadas. A revolta de 1943 foi um ato de rebeldia heroico contra os nazistas, que visava mais um modo honroso de morrer do que uma tentativa real de libertação. Construído para lembrar esse combate, o monumento fica bem no centro de onde ficava o gueto, e representa homens, mulheres e crianças fugindo do incêndio e uma fila de judeus conduzidos aos campos nazistas.

 

 

 

 

 

 

Mais detalhes sobre o destino

Moeda oficial Złoty

Língua oficial polonês

Pacotes para Polônia

Atendimento Personalizado

Quer realizar a viagem de sua vida? Preencha o formulário abaixo e tire todas suas dúvidas com um de nossos atendentes!