Viagem para Normandia

Poucos lugares registraram momentos tão importantes para a história da humanidade moderna como as praias de Normandia, na França. Andar por essa região é sentir o significado da palavra raça.

Saiba mais

Conheça

Falar da Normandia é falar de uma das regiões mais únicas e emblemáticas de todo o território francês. Localizada no noroeste do país e banhada pelo Canal da Mancha, a Normandia tem uma rica trajetória, com conquistas, reviravoltas, transformações e mudanças, aliado a uma posição estratégica entre a Europa continental e as Ilhas Britânicas, situadas ao norte. Não à toa, desde sempre, a Normandia tem tido uma posição de destaque na História europeia, figurando-se como um local de importância irrefutável para qualquer turista que seja apaixonado por fatos e acontecimentos históricos.

A Normandia remonta de antigas civilizações bárbaras que a dominaram por sucessivos séculos. Primeiro foram os gauleses, que invadiram a região da Normandia entre os séculos IV e III antes de Cristo. Depois foram os saxões, que conquistaram a região dos romanos. E, por fim, vieram os vikings, que começaram a atingir a região do Vale Baixo do Sena já no século IX d.C. O líder viking Rollo, também conhecido como Roberto, o Caminhante, instaurou o Ducado da Normandia em 911 e, assim, iniciou-se um período áureo para os normandos, que chegaram inclusive a conquistar a Inglaterra. Foi apenas no século XIII que a Normandia virou parte da França, quando o Rei Filipe II tomou a região, revoltando os ingleses e instaurando um ódio que se estendeu até o fim da Guerra dos Cem Anos. E, para quem acha que isso é pouco, a História normanda continua com suas reviravoltas até o século XX, quando ela foi cenário de alguns dos episódios mais sangrentos e decisivos da II Guerra Mundial, tendo sido o local escolhido para o embarque das Tropas Aliadas para combater o império do mal de Hitler.

Devido a isso, basta caminhar por suas cidades para entender todo esse alvoroço. Memoriais em homenagem a soldados mortos, castelos medievais, grandes projetos de reconstrução pós-guerra, ilhas fortificadas e um patrimônio arquitetônico de inspiração nórdica estão nessa região, que nem parece parte da iluminada e cosmopolita França. Hoje os ânimos se acalmaram e, no lugar do alvoroço histórico, há o alvoroço turístico. Milhões de visitantes fazem viagem para a Normandia em busca de sua trajetória enigmática e icônica e de sua cultura peculiar. E, sem dúvidas, voltam fascinados com uma região que, apesar de tudo, continua viva e vibrante.


Aeroporto: Aeroporto de Rouen (URO)

Capital: Rouen

Moeda: Euro

Idioma: Francês

Visto: Não é necessário

Vacinas: Nenhuma vacina é obrigatória

Código do telefone: 33

Eletricidade: 230V

Fuso horário: 4 horas a mais que o horário de Brasília

Melhor época para visitar: Entre abril e setembro

Mont Saint-Michel

Um dos maiores símbolos da religiosidade francesa, essa ilhota localizada no encontro do rio Couesnon com o Mar da Mancha se destaca por sua belíssima abadia medieval dedicada ao santo São Miguel. Patrimônio da Humanidade pela UNESCO desde 1979, a abadia sempre foi um importante local de peregrinação e, hoje, é um dos pontos turísticos mais visitados da França. Destaque para a cidadela medieval da ilha, com suas ruazinhas icônicas e encantadoras.

Catedral de Rouen

Se você é fã de artes, provavelmente deve se lembrar das pinturas de Monet a respeito dessa emblemática catedral, localizada em Rouen, a capital da Normandia. Embora seu estilo atual remonte a 1880, ela é marcadamente gótica, tendo elementos que já vêm desde o século XIII, quando a pedra fundamental da igreja foi colocada. Seus majestosos vitrais e sua nave suntuosa e austera justificam a visita a esse templo, um dos pontos altos da religiosidade normanda.

Mémorial de Caen

Em 9 de julho de 1944, um dos acontecimentos mais trágicos da II Guerra Mundial na França aconteceu em Caen: durante a Batalha da Normandia, 70% da cidade foi destruída e mais de 2000 civis foram mortos. Não à toa, é ali que fica um dos mais importantes museus para a paz do mundo, o Mémorial de Caen. Construído em 1989 e expandido em 2002, ele reconta toda a História do século XX, desde o Tratado de Versalhes até a queda do Muro de Berlim. Além de objetos históricos, há um hall em homenagem a todos os laureados com o Nobel da Paz.

Normandy American Cemetery and Memorial

Além desse belíssimo museu de Caen, outro ponto turístico da Normandia que faz referência aos fatos trágicos da II Guerra Mundial é esse cemitério, localizado na cidadezinha de Colleville-sur-Mer. Com aproximadamente 9300 túmulos, espalhados por 513 mil metros quadrados de área, ele é dedicado a todos os americanos que morreram em combate em solo europeu, sendo um local que emana tristeza e, ao mesmo tempo, reflexão sobre a paz e a guerra.

Château de Vendeuvre

A França tem alguns dos mais belos castelos e palácios do mundo. Um deles é o Château de Vendeuvre, situado na cidade homônima da Normandia. De arquitetura setecentista, o château se destaca por seus salões elegantes, marcados por afrescos e detalhes dourados, e pelos jardins de arquitetura paisagista detalhista e riquíssima. Ali funciona ainda o primeiro museu do mundo dedicado a móveis em miniatura, o Musée du Mobilier Miniature.

La Petite Auberge

É preciso reservar para comer nesse restaurante, que vive lotado de turistas e locais à procura de boa comida. Afinal, ali uma autêntica culinária normanda é servida de forma saborosa e eficiente. Por isso, arrisque-se para experimentar um dos símbolos locais, que, apesar de estranho, merece uma provada: trata-se do scargot, isto é, caracóis servidos na própria concha. Uma delícia, apesar de estranho! Para acompanhar, peça o vinho da casa, incrivelmente gostoso.

Restaurant Le 6e Sens

De decoração moderninha, esse restaurante de Rouen é um dos destaques para quem quer experimentar uma culinária francesa sem frescuras, autoral e bem jovial. Por isso, não se surpreenda se você encontrar pratos com mistura de aromas, texturas e ingredientes inusitados. Experimente, por exemplo, o menu de três etapas, que vem com pratos de frango, carne e legumes. Por fim, arremate com o fondant de chocolate branco com sorvete de framboesa.

L’Atelier du Burger

Em Caen, você pode experimentar excelentes hambúrgueres nesse restaurantezinho despojado e divertido. Ali nada de fast-food: tudo é feito com ingredientes frescos e de altíssima qualidade, num preparo equilibrado e saboroso que encanta a qualquer um, inclusive os mais apaixonados por hambúrgueres. Para acompanhar os sandubas, não dispense as sequinhas batatas fritas ou então uma das muitas cervejas artesanais do cardápio.

Taverne Paillette

Em frente ao mar, esse restaurante de Le Havre só poderia ser especializado em uma única coisa: peixes e frutos do mar, é claro! E tudo isso é servido de forma muito saborosa, já que os produtos são frescos e pescados ali mesmo, nas águas da Normandia. Destaque para os moluscos e para os mexilhões, que podem ser servidos com fritas como manda a tradição normanda do moules et frites. Há ainda uma cerveja de fabricação própria e vinhos rosé muito saborosos.

La Sirene

Esse restaurante do Mont Saint-Michel fica meio escondidinho na rua principal da cidadela medieval, já que ele é uma sobreloja de uma boutique de presentes. Porém, assim que você o encontrar, você poderá degustar das melhores galettes da região. Tratam-se de panquecas à moda normanda, que podem vir com mel, bolas de sorvete e calda de chocolate, banana ou então em versões salgadas, com queijo e carne. O legal é que o serviço é rápido: 5 minutos depois de efetuado o pedido, o prato já vem à mesa!

La Station

Localizado em Caen, entre a Igreja de St. Pierre e o castelo, esse bar é um lugar perfeito para você beber deliciosas cervejas a um preço convidativo e num ambiente divertido e engraçado. São 4 euros o pint de cerveja, o que significa um valor abaixo da média na França. Há inúmeras opções artesanais, principalmente de IPA, para a alegria dos aficionados por cerveja.

Le Trappiste Caen

Outro lugar para tomar boas cervejas artesanais em Caen é o Le Trappiste. Trata-se de um lugar que é especializado, como o nome diz, em cervejas trapistas, feitas por monges belgas e franceses. São cervejas de produção muito limitada, por isso aproveite para experimentar inúmeros rótulos, a maioria indisponível no Brasil. Para acompanhar, peça o salsichão na tábua, um acompanhamento muito gostoso!

L’Etable

Em Le Havre, não durma cedo e aproveite que a noite é uma criança para jogar conversa fora ou simplesmente beber uma boa cerveja nesse bar bastante conhecido da região da Normandia. Com um lindo terraço no andar superior e mesas espalhadas pela calçada em frente, não tem como não se animar no L’Etable: o atendimento é simpático, o ambiente é muito gostoso e confortável (com direito a uma ambientação que imita um estábulo, daí o nome) e a carta de cervejas é excepcional. Para acompanhar, há lasanhas, queijos e saborosos frios artesanais.

Au Verre Dit Vin

A bebida-símbolo da França, o bom e velho vinho, pode ser degustada nesse bar divertido e bastante caloroso de Rouen. Ali tapas espanholas deliciosas podem ser provadas ao lado de inúmeras garrafas, que traduzem a diversa produção vinícola do país. Atente-se para os vinhos promocionais, que, além de custarem pouco, são deliciosos e deixam a noite muito mais animada!

Le Rendez-Vous

Se você estiver dando uma passada por Vimoutiers, que fica pertinho de Alençon, você já tem um point para passar a noite e, ao mesmo tempo, se divertir horrores. Trata-se do Rendez-Vous, um local comandado pelo simpático e agradável Mathieu, que é quem mesmo faz os coquetéis e drinks do bar. Há ainda exposições de pintura e fotografia para você beber enquanto conhece um pouco da cultura e da produção artística locais, bem como ótimos pratos e aperitivos.

Mais detalhes sobre o destino

Moeda oficial Euro

Língua oficial Francês

Pacotes para Normandia

Atendimento Personalizado

Quer realizar a viagem de sua vida? Preencha o formulário abaixo e tire todas suas dúvidas com um de nossos consultores!